Cuiabá (MT), quarta, 18 de janeiro de 2017
Turma do Epa
Sábado, 29 de junho de 2013, 04h23
Chapeu ACORIZAL

Poluição industrial despejada no rio Cuiabá é alvo de protesto

Moradores de Acorizal inovam a pauta de reivindicação das manifestações ao incluir questões ambientais nos protestos. Exemplo deveria ser seguido por todo o Mato Grosso.
Da Redação  / Cuiabá-MT


Em meio à banalização em que se transformaram algumas manifestações populares  que pipocam no país e também em Mato Grosso, uma ideia inteligente, original e oportuna vem do município mato-grossense de Acorizal: o protesto ambiental.

Os moradores da pequena cidade com pouco mais de 5 mil habitantes vão promover neste sábado (29/06), uma manifestação  contra a poluição industrial, a qual já afeta de forma severa a sustentabilidade do rio Cuiabá, a principal fonte de recurso hídrico daquele município.

O manifesto é organizado pelo movimento “Vem Pra Rua Acorizal”, criado em rede social por meio do Facebook nesta última semana. A concentração ocorre a partir das 07h30, no centro da cidade, às margens do rio Cuiabá na altura do porto da Balsa.

Conforme a programação os manifestante vão percorrer um trajeto de 2 mil metros até a sede da indústria de gelatina, apontada pela população como uma das maiores poluidoras do rio Cuiabá no município.  

Os moradores alegam que a fábrica despeja o resíduo industrial diretamente no rio, o que está afetando o equilíbrio ambiental e trazendo uma série de consequências ao município e aos moradores, entre elas a diminuição drástica da piscosidade do rio Cuiabá, fato responsável inclusive pelo afastamento dos turistas que praticavam a pesca em Acorizal.

A falta de ação das autoridades municipais em relação ao fato também será alvo de protesto. Moradores dizem que o Executivo e o Legislativo estão assistindo o rio Cuiabá agonizar e se calaram diante das agressões praticadas.

Seguindo o modelo nacional, a manifestação em Acorizal também inclui na pauta de reivindicações o combate a corrupção e qualidade para educação, transporte e saúde. O movimento local é intitulado “Vem Pra Rua Acorizal” e seus organizadores garantem permanecer com as manifestações até as providências serem adotadas.


 leia também
Domingo, 15 de janeiro de 2017
20:42
Chapeu política
Temer determina que ministro da Justiça preste auxílio ao Rio Grande do Norte
Em mensagem publicada na rede social Twitter, o presidente Michel Temer disse que determinou ao ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, que "preste todo o auxílio necessário" ao governo do Rio Grande do Norte.
Sábado, 14 de janeiro de 2017
22:14
Chapeu internacional
Itamaraty acompanha brasileira presa nas Filipinas por tráfico de drogas
O Ministério das Relações Exteriores informou hoje (14) que está acompanhando o caso da brasileira Yasmin Fernandes Silva, 20 anos, presa em outubro do ano passado, em Manila, capital das Filipinas, por tráfico internacional de drogas.
Sexta, 13 de janeiro de 2017
18:38
Chapeu política
Geddel, Cunha e outros investigados agiam para beneficiar empresas, diz MPF
A operação que a Polícia Federal deflagrou hoje (13), no Distrito Federal, Bahia, Paraná e São Paulo para investigar um suposto esquema de fraudes na liberação de créditos da Caixa Econômica Federal.
Quinta, 12 de janeiro de 2017
17:09
Chapeu Receita Federal
Contribuinte poderá atualizar CPF pela internet a partir da próxima semana
A Receita Federal oferecerá, na página do órgão na internet, um formulário eletrônico que permite a alteração instantânea de dados como nome, endereço, telefone e título de eleitor.
17:03
Chapeu Aumento salarial
Piso dos professores terá reajuste de 7,64%
Com isso, o menor salário a ser pago a professores da educação básica da rede pública deve passar dos atuais R$ 2.135,64 para 2.298,80.
Quarta, 11 de janeiro de 2017
17:55
Chapeu Crise prisional
Cármen Lúcia convoca presidentes de tribunais para reunião sobre presídios
A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, convocou para amanhã (12), às 10h, na sede da Corte, uma reunião com os presidentes dos 27 tribunais de Justiça do país para a crise do sistema penitenciário.
17:51
Chapeu Economia
Inflação oficial fecha 2016 em 6,29%, abaixo do teto da meta, diz IBGE
A inflação oficial do país, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) fechou 2016 com variação acumulada de 6,29%, abaixo do teto da meta fixada pelo Banco Central.
17:48
Chapeu Política
PF pede prorrogação de inquérito que investiga Dilma e Lula
A Polícia Federal (PF) pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) a prorrogação do prazo do inquérito que investiga a ex-presidenta Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Terça, 10 de janeiro de 2017
17:46
Chapeu agronegócio
Aumento da produtividade deve elevar em 15,3% colheita de grãos na próxima safra
O aumento da produtividade média das culturas, em recuperação às condições climáticas desfavoráveis da safra passada, deve elevar em 15,3% a produção de grãos no Brasil na safra 2016/2017, comparada à safra anterior.
Segunda, 09 de janeiro de 2017
18:28
Chapeu Política
No Rio Grande do Sul, Temer anuncia construção de presídio federal no estado
Um dos cinco presídios federais, previstos no Plano Nacional de Segurança Pública anunciado na semana passada, será construído no Rio Grande do Sul.

+ ver todas as matérias
Eparre

 Bate-boca (1)


O primeiro foi na sessão de impeachment. A senadora Gleisi Hoffman (PT) e o senador Ronaldo Caiado (DEM) protagonizaram uma discussão séria que chegou ao ponto da senadora dizer que "os senadores não têm condições morais de julgar a presidenta Dilma". De fato, não têm. O povo já aprendeu como se comportam os políticos e eventuais exceções não desmerecem a regra geral: aprendem a malandragem no exercício da vereança, aperfeiçoam como prefeito, melhoram mais como deputados estaduais, especializam-se como deputados federais e refinam-se como senadores.

 Bate boca (2)


Carlos Fávaro (PSD), vice-governador, e o deputado federal Fábio Garcia (PSB) também trocaram desaforos em tom alto. Precisou intervenção da "turma do deixa-disso" para as coisas se acalmarem.

 Barranco x Taborelli


O deputado eleito Waldir Barranco (PT) que até hoje não conseguiu exercitar o mandato por rejeição de contas pelo TCE foi beneficiado pela decisão do Supremo Tribunal Federal que suspendeu as inelegibilidades decretadas pela Corte de Contas. Assume em lugar de Pery Taborelli (PV), este em plena campanha para a Prefeitura de Várzea Grande.

 Começou o horário eleitoral gratuito


As "inserções" no Rádio e TV começaram e, com isso, as campanhas majoritárias se encorpam. Os "VTs", jingles e spots, peças publicitárias utilizadas nessas ocasiões, são bastante criativos. Em regra não diferem da qualidade do material produzido pelas Televisões e, em alguns canais, são até melhores.

 Bombardeio


No ritmo proposto pela nova legislação eleitoral, as tais "inserções" vão se constituir em autêntico bombardeio. Não vão poupar os programas de maior audiência. É exatamente o que esperam as coordenações de campanha que consideram o horário eleitoral gratuito essencial.

 Largada x chegada


Como sempre a velha discussão: quem será o alazão e quem o "cavalo paraguaio". O último é bom de arranque mas se cansa ao longo da campanha. O segundo costuma manter o galope com constância e por mais tempo. O problema está na variável tempo: será que os "cavalos paraguaios", enfim, terão reconhecida a capacidade de arrancada?

 Nanicos


Com a decisão do STF, os candidatos de Partidos nanicos voltam a participar dos debates eleitorais a depender dos resultados que obtenham em pesquisas registradas nos Tribunais e que demonstrem a relevância da respectiva participação. Taí. Mais "judicialização" da política.

Eparre

Segunda, 22 de agosto de 2016
Lucio Ferreira
O KW exagerou na caipirinha assistindo a jogo de voley. Só pode.

Domingo, 21 de agosto de 2016
K.W.
Essa coluna é um primor para decodificar a marquetagem e a politicagem. Mostra, também, a "guerra dos marqueteiros" apesar de um pouco mais de continencia do Kleber Lima. Deve estar pondo a casa em ordem depois da desistencia do Mauro.

Sexta, 19 de agosto de 2016
K.W.
Como conseguimos por uma turma de refinados pilantras tanto na presidencia quanto em Ministérios como uma "solução para o Brasil". Isso é que é asssalto. Assalto ao poder e sua expressão maior na Casa da Moeda. Perto dos ladrões de Banco isso é fichinha.

Sexta, 19 de agosto de 2016
Marcio
Li essa coluna e me deu até arrepio. Minha nossa. E os mais antigos dizem que esses crápulas se propunham a restaurar a democracia e a honestidade na política.

DEIXE SUA OPINIÃO OU COMENTÁRIO
Nome:
Texto:
Email:
Coluna:
Vídeos
 publicidade
Parlamento Mirim 2016 - Assembleia Legislativa de Mato Grosso
HOME  |   TURMA DO EPA  |   PANORAMA  |   VÍDEOS  |   LEITURA  |   EPARRÊ  |   EPA DOS LEITORES
BROADCAST  |   QUEM SOMOS  |   DIREITO DE RESPOSTA  |   ANÚNCIOS  |   CANAL RSS  |   CONTATO
Copyright © 2011 - Turma do Epa. Todos os direitos reservados